16 de nov de 2017

MULHERES NEGRAS,MULHERES COM DEFICIÊNCIA E CONSCIÊNCIA NEGRA.

Ilustração de uma mulher negra de perfil e com um turbante enorme na cabeça.

Estamos no mês da consciência negra, totalmente dedicado a manifestações, varias atividades e entre elas ações do movimento de mulheres negras que neste período chamam a atenção para as desigualdades ainda vividas pelas mulheres negras.
Sou uma mulher negra e além de ser uma mulher negra também sou uma mulher com deficiência ai ferrou, sim VOU explicar o porque e trazer a tona minha reflexão sobre isso, sim precisamos falar as coisas e talvez este texto seja o único escrito trazendo esta pauta para reflexão da sociedade.
Resolvi escrever este artigo depois de vivenciar algumas coisas e com elas trazer essa reflexão, no ano passado tive a oportunidade de ir ao Rio de Janeiro e apresentar o projeto na qual fui coordenadora, estava animada em chegar lá e apresentar o projeto que tinha perspectiva de incluir as mulheres com deficiência nas políticas de enfentamento a violência doméstica e demais políticas.
O encontro reuniu quase 70 mulheres de todo o Brasil e eu estava entre elas, para minha surpresa o encontro tinha quase 70% formado por mulheres negras e muitas palestrantes também, mas ali eu era a única mulher negra e com deficiência e estava entre as 30% que era representada por mim, indígenas e prostitutas.
O que me chamou a atenção neste encontro é que nas falas das mulheres negras eu não era incluída como mulher negra e com deficiência, até porque eu era a única no meio da multidão, foram três de muitas falas a maioria voltada a luta do movimento das mulheres negras, que como sabemos lutam por melhores salários, empregos, oportunidades e viverem sem violência pois são as que mais morrem vitimas da violência de gênero segundo dados do mapa da violência.
Pela primeira vez me senti totalmente sozinha, totalmente invisível e estava ao lado de grandes movimentos do Brasil, no último dia fui abatida por essa indiferença e voltei para casa com isso comigo.

Dai o ponto que quero chamar a atenção para o MOVIMENTO DE MULHERES NEGRAS, sei que muito lutaram para serem reconhecidas e terem seu espaço, mas ao não reconhecerem que as mulheres com deficiência representam todas as mulheres na sua ideologia, deixam de lado as mulheres que vivem em grande vulnerabilidade social, se para uma uma negra sem deficiência que já vive esta desigualdade por conta do gênero e raça imagina para uma mulher com deficiência que carrega com ela as desigualdade de gênero, raça e deficiência.
Ou sofremos 3x mais esta desigualdade pregnada em nossa sociedade, não tendo acesso a escola, trabalho,oportunidades, não temos voz e fala.

E não posso esquecer de falar da violência contra as mulheres negras que correspondem a 58,86% dos casos de violência domésticas, infelizmente nestes dados não temos incluído as mulheres com deficiência que também são vitimas dessa violência.
Trago este alerta ao movimento para que possam sim lembrar de nossa existência e nos inclui em suas lutas, falas e reivindicações esta na hora de olharmos por todas as mulheres e inclui-las em suas lutas.
Porque nós mulheres com deficiência ainda continuamos invisíveis para a sociedade e estado mas também estamos ainda invisíveis para o movimento de mulheres e entre eles o das mulheres negras.
Nos ajudem a sairmos dessa invisibilidade.

SOU MULHER COM DEFICIÊNCIA E NEGRA E SOFRO COM A DESIGUALDADE.
Quando falo,
Falo por mim e por todas as mulheres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado. Obrigado por participar pois sua opinião é importante para eu continuar meu trabalho.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...